senha:
 
 
Aníbal Pereira dos Reis
Apologética
Biografias Bíblicas
Biografias Cristãs
Coleção Vaticano
Comentário Ritchie
Crianças e Adolescentes
Entretenimentos Bíblicos
Estudo Bíblico
Evangelísticos
História
Jovens
Lazer Cristão
Livretes
Missões
Modernos Heróis da Fé
Mulheres
Oração
Outras Editoras
Para o Pregador
Poesias
Profecias
Romances Cristãos
Vida Cristã
 


Cremos e ensinamos que ...

Há um só DEUS, Criador, Onipotente, Onipresente e Onisciente, que se manifesta em três pessoas (PAI, FILHO e ESPÍRITO SANTO), iguais na Sua Divindade eterna.

A Bíblia Sagrada é a Palavra de DEUS, inspirada pelo ESPÍRITO SANTO, sendo única autoridade de fé e de prática.

A Bíblia Sagrada é a plena e total revelação de DEUS para os nossos dias.

O ser humano é espiritualmente caído, achando-se num estado de condenação perante DEUS, incapaz de salvar-se pelos seus próprios esforços, e necessitando da regeneração que provém de DEUS.

O SENHOR JESUS CRISTO é o FILHO de DEUS, a segunda pessoa da Santa Trindade, sendo Ele, DEUS manifesto em carne, concebido e nascido da virgem Maria pelo poder do ESPÍRITO SANTO; sua morte foi o único e perfeito sacrifício para a expiação dos nossos pecados; ao terceiro dia, ele ressuscitou depois de ser visto por muitos discípulos e subiu ao céu para a destra de DEUS PAI.

O perdão dos pecados, a salvação da alma e a vida eterna são conseguidos pela fé em CRISTO JESUS, único Salvador, Mediador e Sumo Sacerdote dos crentes.

Pela fé em CRISTO, o pecador é regenerado e justificado, batizado no ESPÍRITO SANTO e feito filho de DEUS; este novo nascimento revela-se pela santidade de vida e por boas obras, em obediência à Palavra de DEUS.
A falta de sinais milagrosos, tais como línguas, interpretações e curas não constituem provas nem indicações de um crente não ser batizado no ESPÍRITO SANTO.

Ao morrer, o espírito do ser humano não cessa de existir e nem se torna inconsciente; o espírito do crente vai para o céu, a casa do PAI, enquanto que o do descrente vai para o inferno, a perdição eterna.

Os mortos serão ressuscitados, ou para a vida ou para a condenação; a bem-aventurança dos justificados e a punição dos condenados serão ambas eternas.

O SENHOR JESUS voltará novamente para receber seu povo e para estabelecer na Terra o Seu reino.